Grêmio Estudantil

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas

gremio estudantil

 

Grêmio é a entidade representativa dos interesses dos estudantes de cada escola, que propõe a discussão e implementação de ações tanto no ambiente escolar quanto na comunidade à qual a escola pertence.
O Grêmio Estudantil é uma iniciação dos jovens na gestão participativa da sociedade em que vivem. Quando verdadeiramente comprometida, a organização defende os interesses dos alunos, buscando parceria com todas as pessoas que participam do cotidiano escolar: diretores, coordenadores, professores etc. O grêmio poderá atuar em atividades culturais, esportivas, sociais, políticas e comunitárias.

2. Como formar
I- Grupo de alunos informa a direção da unidade escolar, divulga proposta entre os alunos e convida outros alunos a formar comissão pró-grêmio. Este grupo elabora proposta de estatuto.
II- A comissão pró-grêmio convoca os alunos para participar da assembléia geral (com a presença de pelo menos 10% dos alunos matriculados na unidade). Tal assembléia irá decidir sobre o nome do grêmio, a Inscrição de chapas, campanha e data de eleição. Nesta assembléia também se aprova o estatuto e define-se a composição da comissão eleitoral (representantes das chapas, de turmas e coordenação da escola).
III- As chapas candidatas apresentam suas propostas para a gestão. É a comissão eleitoral que promove os debates entre as chapas. IV-É realizada a eleição. O escrutínio é feito pelos indicados das chapas, observados por professores coordenadores. V- a comissão pró-grêmio, organiza as atas e envia cópias para a direção escolar e organiza a posse da diretoria. Nos anos subseqüentes o processo recomeça a partir do 3º passo.

3. Links interessantes
https://www.fegreal.com.br/contato.html

4. Legislação
Lei Federal 7.398 de 04/11/1985 - Dispõe sobre a organização de entidades representativas de estudantes de 1º e 2º Graus.
Lei Federal 8.069 de 13/07/1990 - Estatuto da Criança e do Adolescente, Art. 53 inciso IV – garante o direito dos estudantes de se organizar e participar de entidades estudantis.
Lei Estadual nº 5.685 de 09 de maio de 1995.

5. Outros materiais
Sugestão de Estatuto dos Grêmios Estudantis
Manual de Orientações
Cartilha

6. Experiências
O protagonismo juvenil é um tipo de ação de intervenção no contexto social para responder a problemas reais onde o jovem é sempre o ator principal e ocupa uma posição de centralidade. Significa tecnicamente, o jovem participar das ações que não dizem respeito à sua vida privada, familiar e afetiva, mas a problemas relativos ao bem comum, na escola, na comunidade ou na sociedade mais ampla.
Outros aspectos, são a concepção do jovem como fonte de iniciativa, liberdade e compromissos que geram a ação, a opção e a responsabilidade.
O jovem tem que participar na decisão se vai ou não vai fazer a ação, tem que ter a opção de ser livre, essa é a raiz do protagonismo. Tem que participar do planejamento, da execução, da avaliação e da apropriação dos resultados.
A Escola em si é o espaço central e privilegiado para formação de lideranças e promoção da cultura cívica pois é um espaço que reúne a juventude. A experiência democrática deve nascer no processo de formação e consolidação dos grêmios que é também um importante processo pedagógico. Afinal de contas, os estudantes vivenciam no processo de eleição a construção de chapas, constroem planos de trabalho, pautados nos anseios deles mesmos e dos demais estudantes, participam do pleito eleitoral, e posteriormente, gerenciam o grêmio e os tornam capazes de gerenciar conflitos, propostas, discursos, negociações e experiências coletivas.

7. ações dos grêmios
-Palestras sobre diversos Temas do Universo Jovem;
-Saraus Literários;
-Rádio Escolar;
- Projeto Horta Escolar;
-Projeto Família na Escola;
-Ações articuladas com a Gestão (mobilização e sensibilização) para Eleições de Conselheiros Escolares (segmento Aluno);
- Articulação com os Representantes de Turmas para efetivação de ações na Escola;
-Campanhas de Prevenção e Combate a Evasão e abandono escolar;
- Campanha de Prevenção e Combate a violência e ao Uso de drogas, entre outros;
-Parcerias com outras instituições para efetivação de Projetos Estudantis (Batalhão escolar, Universidades, Corpo de Bombeiros, Prefeituras, Escolas, entre outros).
"O Grêmio Estudantil constitui-se no espaço coletivo de discussões, onde os estudantes têm a oportunidade de expor suas opiniões a respeito da comunidade escolar (suas necessidades, desejos, funções, tanto nas questões administrativas como nas questões pedagógicas), participando ativamente na construção do processo educacional "(AGUIAR e GRÁCIO, 2002).