Notícia

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas
Sexta, 05 Janeiro 2018 14:12
OPORTUNIDADE

Inscrições para o concurso da Educação estão abertas a partir desta terça-feira (2)

Interessados devem realizar inscrição online, além de uma taxa de R$ 95. Cargos são para professores e conta com carga semanal de 30 horas e salário de mais de R$ 2 mil.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
 Serão ofertadas 850 vagas de professores disponíveis para o concurso da Educação com uma carga horária de 30 horas semanais Serão ofertadas 850 vagas de professores disponíveis para o concurso da Educação com uma carga horária de 30 horas semanais Valdir Rocha
Texto de Lucas Leite

Os interessados em se inscrever no concurso da rede pública estadual de educação, com vagas disponíveis para professores, poderão fazê-lo a partir das 20h desta terça-feira (2) até as 18 horas de 1 de fevereiro. Os horários são de acordo o fuso-horário oficial de Brasília.

Para fazer sua inscrição, os interessados devem acessar o site do Centro de Seleção e Promoção de Eventos – Universidade de Brasília (CESPE/UnB) por meio do linkhttp://www.cespe.unb.br/concursos/SEDUC_AL_17/ e pagar uma taxa no valor de R$ 95.

O concurso será executado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e Promoção de Eventos (Cebraspe) e terá duas fases: uma prova objetiva, de caráter eliminatório; e uma avaliação de títulos, com intuito classificatório.

O edital completo pode ser conferido no Diário Oficial do Estado (DOE) de 29 de dezembro de 2017 por meio do endereço eletrônico https://goo.gl/aNBcto

Vagas – As 850 vagas de professores disponíveis para o concurso da Educação contam com uma carga horária de 30 horas semanais e uma remuneração de R$ 2.195,13. Entre as especialidades estão Artes, Biologia, Ciências, Educação Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Inglês, Matemática, Português, Química e Sociologia.

Para tomar posse, os aprovados devem ter nacionalidade brasileira ou portuguesa - esta última comprovar que está aparado pelo estatuto da igualdade entre brasileiros e portugueses; estar em dia com os direitos políticos; estar quite com as obrigações militares (sexo masculino); não ter pendências com as obrigações eleitorais; possuir os requisitos para o cargo; ter aptidão física e mental para o cargo; ter idade mínima de 18 anos; não acumular cargos, empregos ou funções públicas; entregar documentos comprobatórios e cumprir as determinações do edital.

O candidato aprovado no concurso público terá a classificação do cargo, especialidade e Gerência Regional de Educação (Gere) de acordo com a opção no ato de inscrição. Após a nomeação de todas as vagas ofertadas, a nomeação ocorrerá por ordem de classificação cargo/especialidade/Gere. Será excluído do certame o candidato que não tomar posse no prazo legal.

Em relação às vagas destinadas aos portadores de algum tipo de deficiência física, 20% serão designadas aos mesmos. Serão consideradas pessoas com deficiência aquelas que se enquadrem no art. 2º da Lei nº 13.146/2015, e nas categorias discriminadas no art. 4º do Decreto nº 3.298/1999, com as alterações introduzidas pelo Decreto nº 5.296/2004, no § 1º do art. 1º da Lei nº 12.764, de 27 de dezembro de 2012 (Transtorno do Espectro Autista), e as contempladas pelo enunciado da Súmula nº 377 do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

No ato de inscrição, os candidatos com deficiência deverão: declarar-se com deficiência; enviar por upload a imagem do CPF e laudo médico (emitido nos últimos 12 meses) atestando o grau ou nível da deficiência, com referência ao código na Classificação Internacional de Doenças (CID-10), além da provável causa da deficiência com a assinatura e o carimbo do médico, com o número da inscrição no Conselho Regional de Medicinal (CRM) do mesmo.