Notícia

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas
Terça, 13 Março 2018 15:07
GESTÃO DEMOCRÁTICA

Escolas da rede estadual escolhem gestores para biênio 2018-2020

Participam do processo 128 escolas votantes ligadas às 13 gerências regionais de educação, em todas as regiões do Estado

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Pleito acontece até a próxima sexta-feira (16). Pleito acontece até a próxima sexta-feira (16). Foto: José Demétrio
Texto de Texto de Manuella Nobre

Teve início nesta segunda-feira (12) o processo democrático de eleição de gestores, gerais e adjuntos, para o biênio 2018/2020 das escolas da rede pública estadual. Participam neste momento 128 unidades votantes nas 13 Gerências Regionais de Educação (Geres) em todo o estado.  O pleito acontece até a próxima sexta-feira (16).

Estão aptos para votar os quatro segmentos da escola: pais, professores, funcionários administrativos e de apoio e alunos. O secretário de estado da Educação, Luciano Barbosa, destaca a importância deste processo.

“Nada melhor para a construção de uma sociedade democrática do que começar a construí-la a partir da escola. Com mais uma eleição em nossa rede, aliada à autonomia financeira que estamos vivendo com a descentralização dos recursos, vamos construindo uma nova sociedade onde todos são igualmente responsáveis. Desejo a todas as escolas votantes uma boa semana e uma jornada democrática exemplar”, declara Luciano Barbosa.

Democracia -  Alunos e professores também falam da importância desta iniciativa e de poder fazer parte da escolha.

 Alunas da Escola Estadual Laura Dantas Sandy Lane Pontes e Sanniele Feitora aprovaram processo democrático  (Foto:Manuella Nobre)

“Acho importante o aluno ter esta oportunidade. Acredito que sempre podemos melhorar e este processo ajuda muito”, avalia Sandy Lane Pontes Cedrins, estudante do 9º ano da Escola Estadual Laura Dantas, no Cepa.

“É importante aprender a tomar decisões desde cedo e saber que elas têm consequências”, complementa sua colega Sanniele Feitosa Romeiro.

 Escolas da rede estadual escolhe gestores para biênio 2018-2020 (Foto: José Demétrio)

Ainda no Cepa, o professor Sandro Moretti, da Escola Estadual José da Silveira Camerino, que já participou de eleições passadas, também comemora o processo democrático. “A democracia é importante, pois mostra ao cidadão que temos regras sociais a cumprir. É importante que isto aconteça na escola,  possibilitando ao estudante escolher e saber conviver em sociedade”, aponta o docente.    

Cronograma -  No dia 12, o pleito teve início em 53 escolas estadual da capital e do litoral norte (1ª, 13ª e 10ª Geres). Nesta terça-feira (13), será a vez de 13 unidades de ensino dos vales do Paraíba e Mundaú (4ª e 7ª Geres).

 Escolas da rede estadual escolhe gestores para biênio 2018-2020 (Foto: José Demétrio)

No Agreste e Baixo São Francisco – Arapiraca (5ª Gere), Palmeira dos Índios (3ª Gere), Penedo (9ª Gere) e seus respectivos municípios vizinhos – serão 31 unidades de ensino votando nesta quarta-feira (14).  No dia 15, quinta-feira, votam 16 unidades escolares de Rio Largo e região metropolitana (12ª Gere) e São Miguel dos Campos e região sul (2ª Gere). O processo se encerra na sexta-feira (16) com 15 escolas estaduais do sertão votando pela 6ª, 8ª e 11ª Geres.

Novo Pleito

Segundo a superintendente de Rede da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Maridalva Campos, as escolas que não tiveram suas chapas homologadas e as que não iniciaram o calendário 2018 entre 26 de fevereiro e 16 de março terão um segundo momento para as eleições, com novo edital a ser publicado.

Não participam deste processo eleitoral as unidades de ensino indígenas, os centros de educação especial, os centros de educação profissional e tecnológica e as escolas que integram o Programa Alagoano de Ensino Integral (Palei) – estas últimas em virtude de portaria do Ministério da Educação que estabelece procedimentos para o fomento ao ensino integral.