Notícia

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas
Sábado, 14 Abril 2018 00:59
PERFIL

Paixão pela ciência e fomento ao talento juvenil marcam trajetória de Laura Souza

Professora da Universidade Federal de Alagoas, Laura já ocupava o cargo de secretária-executiva da Educação na gestão do vice-governador Luciano Barbosa à frente da pasta.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Doutora em Química pela Ufal, Laura sempre incentivou ações relativas à ciência e ao protagonismo juvenil Doutora em Química pela Ufal, Laura sempre incentivou ações relativas à ciência e ao protagonismo juvenil Valdir Rocha
Texto de Lucas Leite e Ana Paula Lins

Uma crença inabalável no poder transformador da educação, paixão pela ciência e fomento ao talento juvenil. Estas palavras definem um pouco da trajetória de Laura Cristiane de Souza, empossada nesta sexta-feira (13) como secretária de Estado da Educação de Alagoas.

Com passagens pela Educação Básica e Ensino Superior, Laura é professora de Química formada pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), onde também concluiu seu Mestrado e Doutorado. Desde 2015, integra a equipe formada pelo vice-governador Luciano Barbosa na Secretaria de Estado da Educação (Seduc), onde atuou como secretária-adjunta e secretária-executiva da Educação.

Fui aluna da rede cenecista e, como professora, atuei tanto na rede privada como na pública, passando pela Educação Básica como também pelo Ensino Superior. Essa vivência de várias redes e realidades me proporcionou uma visão ampla da Educação. Além disso, por ser professora, sei da importância dos investimentos em formação continuada de professores, algo que intensificamos nestes últimos três anos”, relata Laura.

Em relações aos planos para a pasta estadual da Educação, a secretária Laura Souza afirma que dará continuidade à missão de ofertar um ensino de qualidade para todos os alunos da rede pública alagoana.“Devemos manter a equidade. Não podemos e não devemos criar centro de excelências na rede estadual. Temos cerca de 200 mil alunos e temos que garantir o direito de todos eles”, frisa.

Secretária sempre fomentou a ciência e o protagonismo juvenil fotos Valdir Rocha 243

Ciência e talento - A nova gestora relata ainda que o investimento em ciência é uma de suas prioridades. “A ciência é muito instigante e temos procurado desenvolver ações para fortalecer esse interesse entre os estudantes. Um exemplo destas ações é o Encontro Estudantil, onde temos Mostra de Robótica e a nossa Feira de Ciências, a Feceal. Este ano, inclusive, vamos expandir a Feceal também para o ensino fundamental”, adianta.

E falando em Encontro Estudantil, Laura é uma das principais entusiastas do evento, tendo organizado as suas duas edições. “Quando fui estudante, sentia a falta de eventos e ações que estimulassem a criatividade e a descoberta de talentos e, por isso, por meio do Encontro Estudantil, buscamos fomentar ações de protagonismo juvenil na rede estadual. Ações que eu almejava quando tinha 15 anos de idade”, recorda.

Por fim, a secretária destacou a importância da Educação para a sua vida profissional. “Eu só estou na posição que ocupo hoje porque estudei. Só me tornei professora de universidade e hoje, secretária da Educação, por causa dos professores e da escola que eu tive”, afirma.

Secretária sempre fomentou a ciência e o protagonismo juvenil fotos Valdir Rocha 244 1

Perfil - Laura Cristiane de Souza é formada em Química pela Ufal, com Mestrado e Doutorado pelo Programa de Pós-Graduação em Química e Biotecnologia da Ufal. Lecionou na Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) – Campus Arapiraca e é professora do campus Arapiraca da Ufal. Foi professora da Educação Básica na rede privada e também coordenou o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) de Química do Campus Ufal-Arapiraca de 2011 a 2014.

Em 2015, exerceu a função de secretária adjunta da Seduc e, desde 2016, atua como secretária-executiva da Educação de Alagoas. Nos últimos dois anos, esteve à frente da organização do Encontro Estudantil da Rede Estadual de Alagoas, evento de protagonismo juvenil onde os estudantes expõem trabalhos e talentos nas áreas de ciência e tecnologia, cultura e artes, inovação e cultura empreendedora.