Notícia

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas
Quinta, 10 Maio 2018 15:01
FORMAÇÃO CONTINUADA

Seduc e Ufal promovem a III edição de Encontro de Ensino de Sociologia

Evento ocorreu nesta terça (8) e quarta-feira (9), no Cepa

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Encontro reuniu professores da rede estadual e estudantes da Ufal Encontro reuniu professores da rede estadual e estudantes da Ufal (Fotos: Valdir Rocha)
Texto de Luana Santana

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e o Instituto de Ciências Sociais da Universidade Federal de Alagoas (ICS/Ufal) promoveram na  terça (8) e quarta-feira (9) a terceira edição do Encontro Alagoano de Ensino de Sociologia (Enales). O evento aconteceu no auditório do Centro de Formação dos Profissionais da Educação Professor Ib Gatto Falcão (Cenfor), no prédio da Seduc.

Participaram do encontro cerca de 130 profissionais, entre professores da rede estadual, professores vinculados ao curso de Licenciatura da Ufal, além de estudantes de Ciências Sociais em formação. A ação visa socializar estratégias e recursos didáticos no ensino da Sociologia Escolar entre professores da rede estadual e da Ufal com alunos.

Edna Herculano, técnica pedagógica da Seduc, explica que o objetivo central do Enales é orientar os professores, promovendo uma discussão sobre a prática de sala de aula no componente curricular de Sociologia. “Por meio desta, pretendemos que tudo que está sendo vivenciado na Ufal em termos de estudos seja também vivenciado nas salas de aula na rede estadual” frisou a técnica.

De acordo com Jordania Souza, docente do ICS/Ufal, o Enales também um momento de formação continuada, além de um passo relevante para chamar a atenção com relação à importância da disciplina para os estudantes do ensino médio.

“É um momento de compartilhar experiências e os desafios das Ciências Sociais na Educação Básica, por meio do componente curricular de Sociologia. Estamos num contexto de renovação e incorporação de currículo. Então, muito provavelmente, ao longo desse ano, Alagoas e outros estados do Brasil estarão discutindo a implementação da nova Base Nacional Curricular Comum (BNCC)”, relatou a professora.