Notícia

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas
Terça, 29 Maio 2018 19:29
PROTAGONISMO JUVENIL

Estudantes da rede estadual promovem ações solidárias em São Miguel

Integrantes do Grêmio Estudantil da Escola Estadual Ana Lins ajudam a mudar para melhor a realidade de quem mais precisa

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Texto de Texto de Lucas Leite

A escola transforma a vida das pessoas. Dentro dos muros, o aprendizado e as relações interpessoais envolvem a todos. Mas os 12 estudantes do Grêmio Convergentes, da Escola Estadual Ana Lins, em São Miguel dos Campos, mostram que a conscientização, bons exemplos e solidariedade podem ser levadas à comunidade em geral.

De acordo com Josimere Queiroz, diretora da unidade de ensino, os jovens estão envolvidos em diversos projetos, como a Biblioteca Viva, onde decoram o ambiente de acordo com o evento sazonal, como o Dia dos Namorados, por exemplo.

“Os estudantes trabalham em parceria com a direção da escola e não fazem nada sem nos avisar. Ele nos dão muito suporte e acabam envolvendo outros alunos que não participam do grêmio”, diz a gestora.

A diretora informou ainda que, além do Projeto Biblioteca Viva, os integrantes do grêmio estudantil ajudam na conscientização da preservação da escola e trabalham em parceria com órgãos públicos e entidades para ajudar os miguelenses que mais precisam.

“Na Páscoa, eles arrecadaram dinheiro para comprar pão, pediram ajuda para conseguir o leite e doaram os materiais para as pessoas carentes da comunidade. Foi um momento muito bonito. Todos se emocionaram bastante em ajudar o próximo”, afirma Josimere.

Atuantes

Entre os 12 alunos que fazem parte das atividades estão Welton Albuquerque de Souza, Paula Cristina Correia da Silva, Geovanna Andrade Terto, Laura Maria Gomes Silva, Adislane da Silva Guilherme, Ashley Hevillayne Astério de Araújo e as irmãs Bruna e Beatriz Gomes dos Santos.

A vice-presidente do Grêmio Convergentes, Adislane da Silva Guilherme, conta que decidiu participar da iniciativa porque sempre gostou de ser participativa nas ações escolares.

Gremistas da Escola Ana Lins são atuantes dentro da unidade de ensino e na comunidade (Fotos: Valdir Rocha)

“A comunicação entre aluno e direção fortalece a todos, pois os alunos passam a ouvir mais, a ajudar mais. Não viemos à escola só para estudar. Temos que participar das ações escolares”, frisa Adislane.

Laura Maria Gomes Silva, que ocupa o cargo de Diretora de Cultura, conta que o que mais gosta neste trabalho é o fato de poder ajudar tanto os alunos quanto a comunidade.

Construindo sonhos

E é com a interação comunitária que os jovens ajudam a mudar a vida de vários miguelenses. Em parceria com a Igreja Assembleia de Deus, os alunos arrecadam sacos de cimentos para a construção de casas no loteamento Hélio Jatobá III.

Vanderlucia de Mendonça, integrante da igreja, conta que, a partir de uma campanha de arrecadação de materiais com os amigos, a iniciativa começou a mudar a realidade do local, transformando as casas de lona em alvenaria. Maria Quitéria Soares dos Santos foi uma dessas beneficiadas. Ela conta que morava com mais 10 pessoas em um barraco de taipa.

“A situação melhorou bastante. Estamos muito alegres. Quando chovia, a gente ficava muito preocupado. Hoje temos oito pessoas morando na casa. O trabalho que eles estão fazendo é ótimo, ajuda as pessoas que precisam”, informa Maria Quitéria.

Edmo Gome de Oliveira, relatou que há mais de 10 anos morava em uma casa de taipa e que sofria muito toda vez que chovia forte. “Minha casa ainda está em construção, eu estou ajudando na construção. Agora está 100%. Totalmente diferente do que era”, finaliza.

Bruna Gomes dos Santos, integrante do grêmio que acompanha de perto essa mudança no loteamento Hélio Jatobá III, afirma com toda convicção que “o grêmio vai além da escola, ele abraça toda a comunidade”.