Notícia

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas
Quarta, 07 Agosto 2019 22:27
ALÉM DO LAR

O retorno aos estudos possibilita que pai e filha estudem juntos

Alaxijan e Alidja são alunos da Escola Estadual Padre Cabral, no bairro de Fernão Velho. Além de serem pai e filhas, ambos estudam na mesma série, mas em regimes diferente.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Um apoia o outros nos estudos. Um apoia o outros nos estudos. Fotos de Thiago Henrique
Texto de Texto de José Arnaldo

No próximo dia 11, brasileiros comemoram o Dia dos Pais. É uma data para que pais e filhos fortaleçam seus laços de afeto. A escola também é um espaço onde esse relacionamento é intensificado e, nos próximos dias, a Secretaria de Estado da Educação conta a história de quatro pais – biológicos ou não - que fazem a diferença na vida de estudantes da rede estadual.

A primeira destas histórias se passa na Escola Estadual Padre Cabral, em Fernão Velho, onde o pai Alaxijan, aluno da Educação de Jovens e Adultos (EJA) acompanha de perto a filha Maria Alidja, estudante da 1ª série do ensino médio regular.

IMG 3822

Mais de dez anos após largar os estudos, Alaxijan Melo, de 35 anos, que trabalhar com serviços gerais, encontrou, na EJA, a possibilidade de retomar os estudos. Para a alegria de sua filha, Maria Alidja Gomes de Melo, de 15 anos. Coincidentemente, seu pai, que tem orgulho em falar da filha, a mais nova dos três, cursa a mesma série que ela.

Um sempre tira as dúvidas com o outro. Sempre a motivo e ela também me motiva muito. Como estudamos na mesma série, quando tenho alguma dúvida ela chega e me diz que já estudou e vem me ajudar. Do mesmo jeito que eu a cobro, ela também me cobra. Chega e diz, pai, não é assim que faz. Sem os estudos não somos nada. A minha força de vontade é grande. Minha filha é maravilhosa, não me dá trabalho e sempre que pode me ajuda”, comemora Alaxijan.

IMG 3857

Apoio mútuo -Quando as provas combinam o conteúdo da disciplina, ou não, é natural os estudantes se unirem para estudar. Também ocorre a comparação das notas após as provas. E, com eles, não é diferente. A comemoração com as boas notas e a força para estudar mais é feita por ambos. Um dos motivos que fez Alaxijan voltar a estudar, é o mercado de trabalho, que está cada vez mais exigente quanto a escolaridade. Ele crê que, com os estudos, melhores possibilidades aparecerão. Para sua filha, a iniciativa do pai é muito importante.

IMG 3782

Ele me incentiva muito, e ele voltar a estudar me deixa feliz. Eu não pedia para que ele voltasse, não ficava cobrando. Queria que fosse uma iniciativa dele, pela força de vontade dele. E eu o apoio muito. Não é fácil seguir essa jornada, nunca foi fácil. Agora, ele sabe o que o estudante passa e estamos sempre um apoiando o outro. Sempre peço para que continue, que estude cada vez mais, para que ele tenha um futuro muito melhor e eu também. Ele é um pai maravilhoso. É um exemplo de pai”, afirma Alidja.

A diretora- geral da Padre Cabral, Sandra Vieira, diz que a escola se sente orgulhosa e feliz por fortalecer os laços de afeto entre pai e filha. “Entendemos que este é o papel da escola, fazer esse elo com a família e a comunidade”, declara a gestora.