Notícia

EDUCAÇÃO

Secretaria de Estado da Educação de Alagoas
Quinta, 21 Outubro 2021 10:04
DIGNIDADE

Governo de Alagoas anuncia licitação para compra de kits de combate à pobreza menstrual

Pregão eletrônico ocorre dia 05, às 9h; ao todo, mais de 22 mil alunas rede estadual beneficiárias do Bolsa Família receberão absorventes, lenços higiênicos e sabonetes íntimos

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
 No último dia 14 foi divulgado a distribuição gratuita de kits de combate à pobreza menstrual No último dia 14 foi divulgado a distribuição gratuita de kits de combate à pobreza menstrual Valdir Rocha e Jonathan Lins
Texto de Ana Paula Lins

O Governo de Alagoas fixou a data da licitação para contratação de empresa para a distribuição de kits de combate à pobreza menstrual para alunas da rede estadual de ensino. Segundo publicação do Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (20), o pregão eletrônico será realizado no próximo dia 05, às 9h e será conduzido pela Agência de Modernização de Gestão de Processos (AMGESP). Caberá à Secretaria de Estado da Educação (Seduc) contratar o vencedor desta concorrência.

No último dia 14, o governador Renan Filho e o secretário de Estado da Educação, Rafael Brito, anunciaram que o Estado de Alagoas promoverá a distribuição gratuita de kits de combate à pobreza menstrual para estudantes da rede estadual de ensino. A proposta é que mais de 22 mil adolescentes entre 13 e 18 anos em situação de vulnerabilidade social recebam kits de material higiênico composto por absorventes, lenços umedecidos descartáveis e sabonetes íntimos líquidos. A estimativa é que a iniciativa entre em vigor ainda esse ano.

“Serão mais de 20 mil kits mensais distribuídos para as nossas adolescentes, uma medida de extrema importância, visto que a pobreza menstrual é um problema de saúde pública no mundo inteiro. Aqui em Alagoas, esta iniciativa é também um esforço para combater a evasão escolar causada por esta condição, bem como os problemas emocionais enfrentados pelas meninas, que se veem impedidas de ir à escola e sair de casa neste período. A compra desses kits é uma conquista para todos nós e mostra que, em Alagoas, não haverá mais espaço para a pobreza menstrual”, declara o secretário Rafael Brito.